sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Boeing 737MAX faz primeiro voo

O Boeing 737 MAX 8 decolou hoje pela primeira vez. O B737 MAX 8 é a versão base da nova geração da Família Boeing 737, lançada em 2011. A Família 737 MAX incorpora novas tecnologias, refinamentos aerodinâmicos, novos winglets e novos motores LEAP-1B da CFM International, garantindo, segundo a Boeing, um consumo de combustível 20% menor do que a Família 737NG e custo operacional 8% menor em relação a Família A320neo. A expectativa é que a primeira aeronave seja entregue para a Southwest Airlines no terceiro trimestre de 2017.
Desde os anos 60, quando foi lançado, o Boeing 737 se tornou o jato comercial mais vendido do mundo. O 737 encontrou concorrentes formidáveis ao longo do tempo como o DC-9, MD-80 e BAC 1-11, mas nenhum deles conseguiu ameaçar a sua soberania. Tudo mudou nos anos 80, quando a Airbus lançou o A320, iniciando a maior disputa da história no mercado de narrow-body (fuselagem estreita). A verdade é que a Família A320 superou a Família Boeing 737NG e se tornou a aeronave mais vendida no mundo. No entanto os B737NG não estão muito atrás e ganharam um folego extra nesses últimos anos. Como a Airbus lançou a Família A320neo antes, a geração anterior está com números de encomendas e produção menor do que a dos B737NG. Aliás a transição do B737NG para o B737MAX será um desafio a mais para a Boeing, já que a produção dos B737NG estão em níveis recordes. Mas se por um lado a chegada tardia dos 737MAX deu um impulso nas vendas dos 737NG, por outro lado os B737MAX estão levando uma surra da Família A320neo, que está com 60% do mercado, ampliando a vantagem da Família A320 em relação ao Boeing 737.
O fato é que a Boeing nunca quis lançar o Boeing 737MAX, ela foi forçada a fazer isso depois que a Airbus lançou a Família A320neo. Ao invés de lançar um versão re-motorizada, a Boeing estudava lançar uma aeronave totalmente nova para substituir o Boeing 737. Se a Airbus continuar avançando no mercado narrow-body, a Boeing poderá ser forçada a lançar mais cedo uma nova aeronave para substituir os B737MAX, reduzindo o retorno sobre o investimento feito.

Família Airbus A320 e Boeing 737 (Dez/2015)
Fabricados Encomendas Total
Boeing 737-800            3.903                   889      4.792
Airbus A320            4.123                   608      4.731
Airbus A320neo                3.650      3.650
Boeing 737-8 MAX                2.081      2.081
Airbus A321            1.204                   544      1.748
Airbus A319            1.453                      79      1.532
Boeing 737-700            1.190                      52      1.242
Boeing 737-300            1.116      1.116
Boeing 737-200            1.115      1.115
Airbus A321neo                1.060      1.060
Boeing 737-900               412                   160          572
Boeing 737-400               488          488
Boeing 737-9 MAX                   417          417
Boeing 737-500               390          390
Airbus A318                  80            80
Boeing 737-600                  69            69
Boeing 737-7 MAX                      60            60
Airbus A319neo                      35            35
Boeing 737-100                  30            30
Família A320            6.860                1.231      8.091
Família A320neo                   -                  4.745      4.745
Boeing 737 Classic            1.994                       -        1.994
Boeing 737NG            5.574                1.101      6.675
Boeing 737MAX                   -                  2.558      2.558
Total Airbus            6.860                5.976    12.836
Total Boeing            8.713                3.659    12.372
quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Azul irá voar para Lisboa

A Azul anunciou hoje que planeja iniciar voos entre Campinas e Lisboa, a partir de 4 de maio, com três frequências semanais e podendo chegar a seis na alta temporada. Antes da Azul, a BRA, Transbrasil e Varig já voaram para Lisboa, sendo que a Varig operou a rota por 41 anos ininterruptos. Os passageiros irão se beneficiar do acordo de code-share entre a Azul e a Tap, onde a Azul oferece conexão para mais de 100 destinos no Brasil e a Tap mais de 80 destinos na Europa e África.
O lançamento da operação da Azul para Lisboa faz parte do plano estratégico da companhia, que está estreitando cada vez mais os laços com a Tap, A partir de março de 2016 a Azul vai iniciar o processo de transferir 19 aeronaves para a Tap. Oito ATR-72-600 e nove Embraer E-190 irão renovar a frota da "TAP Express" (o novo nome da PGA), substituindo os ERJ-145 e Fokker F-100. Com a nova frota, a TAP Express irá implementar uma ponte aérea entre Lisboa e Porto, com 32 partidas diárias e voos, a cada hora e a cada 30 minutos nos horários de pico e utilização de alguns A320 da Tap, dependendo da demanda.
Já dois Airbus A330-200 irão para Tap expandir suas operações para os EUA. Além disso a Tap já anunciou que irá reconfigurar todos os A330 com a mesma configuração adotada pela Azul: 271 passageiros (20 na classe Executiva, 104 na Economy Plus e 147 na Econômica). Além da transferência de aeronaves da Azul, a Tap conta com uma encomenda de 53 novas aeronaves, reforma nas atuais aeronaves, instalação de Sharklets em 12 A320 e uma nova plataforma digital de reservas,
Porém nem tudo é expansão nessa nova fase da Tap, a companhia anunciou que deixará de voar para Panamá, Bogotá e Manaus. A companhia irá manter o voo para Belém e a conexão até Manaus será feita pela Azul. A Tap também anunciou a suspensão de alguns voos intra-europeus a partir do Porto.
Para a Azul, a transferência de aeronaves vem numa ótima hora, visto a queda da demanda no Brasil. Com a transferência, a oferta de assentos deve ser reduzida em 7% no mercado nacional. Para o mercado internacional, a companhia espera manter apenas um voo diário para Orlando e outro para Fort Lauderdale e os planos para Nova York foram engavetados por enquanto. A Azul também pretende aprofundar os laços com a United.
quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Airbus entrega o primeiro A320neo

A Airbus entregou hoje o primeiro Airbus A320neo para a Lufthansa, maior cliente da Airbus no mundo. As novas tecnologias e o novo motor Pratt & Whitney PW1100G-JM PurePower Turbofan, oferecem um nível maior de eficiência, menor emissão de ruído e redução de 15% no consumo de combustível em relação a geração anterior. Até 2020, a Airbus estima que a  economia de combustível chegará a 20%.
A Lufthansa tem um total de 582 aeronaves Airbus encomendadas para as companhias que fazem parte do grupo, incluindo 270 aeronaves da Família A320, 116 aeronaves da Família A320neo e 25 Airbus A350-900. A Lufthansa é uma cliente de longa data da Airbus, operando quase todos os modelos lançados pela fabricante, desde o A300 até o A380, e sendo a lançadora do A310-200, A321, e agora também do A320neo. Apenas esse ano, o grupo Lufthansa espera receber 52 novas aeronaves.
Originalmente a Airbus previa entregar o primeiro A320neo em dezembro e para a Qatar Airways. Porém a Airbus foi forçada a atrasar a primeira entrega depois que a Pratt & Whitney não conseguiu obter toda a documentação necessária a tempo. Já a Qatar Airways acabou desistindo de ser a lançadora do modelo para esperar por algumas melhorias que serão incluídas nos motores Pratt & Whitney. Além dos motores P&W, a Família A320neo também poderá ser equipada com motores da General Electric. A Airbus espera entregar os A320neo com motores GE ainda esse ano.
Com mais de 4.400 encomendas de cerca de 80 clientes, a Família A320neo se tornou a família de jatos comercial mais popular do mundo, ultrapassando com folga a Família Boeing 737MAX (com pouco mais de 2.500 encomendas) e alcançando cerca de 60% do mercado de aeronaves de 120-200 assentos.
Encomendas Família A320neo e Família Boeing 737MAX por regiões do mundo

Translate

Receber Posts por E-Mail

Sobre Nós

Minha foto
aviacaocomercial.net
O site AviaçãoComercial.net foi criado em agosto de 2009, a partir do site FSDownload.net (lançado em 2004). O site www.aviacaocomercial.net é dedicado a aviação comercial brasileira e mundial, com informações sobre aeronaves, companhias aéreas, dados e etc. O Blog de Notícias se dedica a informar aos visitantes as últimas notícias da aviação comercial brasileira e os principais acontecimentos da aviação comercial mundial.
Visualizar meu perfil completo

Versão Para Celulares

Versão Para Celulares

Notícias Populares

Postagem em destaque

1914-2014: 100 Anos de Aviação Comercial!

No dia 1º de janeiro de 1914 aconteceu o primeiro voo comercial da história. Abram Phell pagou U$400 para fazer a viagem de avião pela St....

Tecnologia do Blogger.